Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. + sobre cookies

Notícias

Arquivo de Notícias

MISSÃO EMPRESARIAL AO CHILE E ARGENTINA

4 Julho 2016
ÚLTIMA SEMANA PARA INSCRIÇÕES

Dotado de uma economia extremamente aberta e muito dependente do comércio internacional, que representa quase 66% do PIB do país (OMC, média de 2012-2014), o Chile tem o mercado mais competitivo da América Latina e constitui um caso de sucesso económico e social no contexto da região.

Visando flexibilizar e intensificar as importações e exportações, o Governo assinou acordos comerciais para reduzir as tarifas alfandegárias com diversos países e blocos económicos: UE, EEUU, Mexico, China, Aliança do Pacífico, Mercosul, além de integrar a APEC e 25 Acordos Comerciais com 64 economias em todo o mundo, que representam 64,1% da população mundial e el 86,3% do PIB global.

Com uma população superior a 17 milhões de habitantes, e um PIB per capita (PPP) de 23 459 USD e em 42º lugar no Índice de Desenvolvimento Humano da UNPD, as suas perspectivas de crescimento anual para 2017-2020 situam-se nos 2,75%, contrariando a tendência recessiva que se verifica noutros mercados sul-americanos.

Por seu turno, a Argentina é um país que volta a abrir-se ao comércio internacional, que já representa 29,8% do PIB (OMC média de 2012-2014). Umas das medidas anunciadas pelo novo Governo, que tomou posse em Dezembro passado, foi o aprofundamento das relações comerciais entre a Argentina e os seus principais parceiros económicos, sendo que neste contexto foram reabertas as negociações para uma parceria com a União Europeia.

Terceira maior economia da América Latina (depois do México e do Brasil), o país possui um dos PIB per capita mais elevado entre os países da América do Sul, com uma perspectiva de crescimento em 3,5% para 2017, boas infra-estruturas e uma população com um elevado nível de literacia.

Neste contexto, a presente missão empresarial visa proporcionar às empresas participantes a identificação de potenciais parceiros para o desenvolvimento de projectos de exportação, de investimento e de cooperação técnica; o contacto com organismos locais de apoio à comunidade empresarial; a recolha de informação local; e visitas de prospecção para um melhor conhecimento do estado da arte da indústria e do comércio chileno e argentino, procurando dar a conhecer as principais oportunidades de negócio e de investimento nestes mercados.

O Programa de trabalhos inclui assim seminários técnicos de apresentação das especificidades e das oportunidades de negócio e de investimento dos dois mercados, acções de networking, reuniões institucionais e uma agenda de contactos individuais de acordo com o perfil de interesse de cada uma das empresas participantes.

                                 

Prazo de inscrição: 30 de Junho

Custo de participação: € 4.100,00 (acresce IVA à taxa legal em vigor)

NOTA: Esta acção esta condicionada à sua aprovação no ambito do Projecto Conjunto Portugal2020 n.º 17.071 (em fase de contratualização) que decorre entre Junho de 2016 e Dezembro de 2017, pelo que as PME consideradas elegíveis para co-financiamento, de acordo com as condições de participação em anexo, serão reembolsadas aquando do encerramento do projecto, em cerca de € €1.775,00 que correspondem a 50% dos custos elegíveis desta iniciativa. O diferencial relativo à percentagem de co-financiamento será reembolsado aquando encerramento deste Projecto pelo financiador. De referir que poderá haver a necessidade de se proceder a ajustes financeiros dependendo dos custos finais que vierem a ser apurados e do universo final das empresas participantes, pelo que o valor indicado poderá sofrer ligeiras alterações.

Facebook Linkedin Twitter Pinterest